Quatro Barras encerra 2011 com extensa relação de obras, novos projetos e avanços em todos os setores

26/12/2011 15:13

 

Quatro Barras está encerrando o ano com uma extensa lista de projetos e obras que não só mudaram definitivamente o visual e a organização da cidade, como também trouxeram benefícios estruturais em várias áreas. A lista de obras, por si só, já é bastante extensa. O maior programa de pavimentação já realizado na cidade entregou em 2011 mais de 16 ruas pavimentadas em vários bairros, como Santa Luzia, Centro, Jardim Orestes Thá, Jardim Maria Alice, Jardim Patrícia e Pinheirinho.

 

Pavimentação: maior programa da história.

 

Outra obra entregue, de grandes proporções, foi a revitalização da Estrada da Graciosa com seus 20 quilômetros de pavimentação, que hoje oferecem infraestrutura a moradores e visitantes, estimulando o turismo e resgatando um potencial histórico e natural de Quatro Barras.

 

Estrada da Graciosa: obras de revitalização e pavimentação concluídas e entregues à população.

 

Na área da Saúde, duas importantes obras tiveram início: a construção da primeira Unidade Básica de Saúde da Colônia Maria José e da Unidade de Pronto Atendimento 24 horas, que vai oferecer atendimento gratuito na área de emergências. A Unidade de Saúde da Borda do Campo está sendo modernizada (contando inclusive com academia) e também foi autorizada a construção da primeira Unidade do Santa Luzia.

 

UPA 24 horas: obras em ritmo acelerado. 

 

 

Colônia Maria José em breve terá sua própria UBS.

 

Os investimentos também chegam à área da Educação, com a construção do novo Cmei do Jardim Patrícia e a construção já autorizada do Cmei do Santa Luzia, que juntos vão oferecer 200 novas vagas em creches. Equipamentos multimídia em sala, qualidade na merenda, projetos diferenciados e o novo uniforme escolar fazem parte das ações que estão somando cada vez mais pela educação.  

 

Conjunto de ações voltadas à infância colocam Quatro Barras como finalista do

prêmio nacional Prefeito Amigo da Criança, da Fundação Abrinq. 

 

Mais estes esforços não acontecem de maneira isolada. Além das políticas educacionais, os projetos de contraturno hoje aproximam Quatro Barras da escola em tempo integral. Neste ano, o Projeto Atleta do Futuro (em parceria com o SESI e a Britanite) ampliou mais três modalidades. Agora são 14 ao todo, incluindo as aulas de violão, dança e teatro, oferecidas gratuitamente à comunidade, e que já somam quase 3 mil inscrições.

 

14 modalidades de contraturno escolar nas áreas de esporte e cultura, por meio do projeto

Atleta do Futuro, já contabilizam cerca de 3 mil inscrições. Um show de transformação social

para o presente, e sobretudo, para o futuro.

 

Foi em 2011 que Quatro Barras também implantou a maior Gibiteca da região metropolitana, e iniciou obras estruturais nos espaços esportivos, entre elas a revitalização da cancha de areia e da quadra do Itapira, restauração do estádio do Pinheirinho, além da construção do Ginásio da Sede, que terá um anexo com piscinas aquecidas.

 

Gibiteca de Quatro Barras: a terceira maior do Paraná e uma das mais importantes do Brasil.

 

Os espaços de lazer também ganharam investimentos. Foi inaugurada a Praça Pedro Gasparin, no Santa Luzia, e instaladas as academias ao ar livre em praças da Sede, Jardim Menino Deus e Borda do Campo - um programa que revolucionou os espaços públicos, levando hábitos de vida mais saudáveis à população.

Academias ao ar livre: qualidade de vida para a população. 

 

Praça Pedro Gasparin: valorização dos moradores do Jardim Santa Luzia, em Borda do Campo.

 

Domingão da Família: 18ª edição fecha 2011 com distribuição de brinquedos para mais de 1600 

crianças.

 

A pintura de prédios públicos, revitalização de canteiros e novos projetos de paisagismo trouxeram cor e vida à cidade. Mudanças também na organização do trânsito, com a implantação do binário central que está estimulando o crescimento em avenidas paralelas e ordenando o fluxo de veículos. Novas rotatórias foram instaladas, além da sinalização que hoje garante um trânsito mais seguro.

Na área social, os projetos alcançam índices cada vez maiores. O Armazém da Família, por exemplo, atingiu a marca de 33.300 atendimentos, com quase 3 mil famílias cadastradas, garantindo mesa mais farta para aproximadamente 9 mil pessoas. Programas voltados à Melhor Idade e aos jovens também dão suporte e garantem qualidade de vida.

A geração de empregos e o estímulo ao desenvolvimento também têm sido políticas constantes. A gestão já ultrapassou a marca de 10 empresas instaladas, com geração de 700 empregos diretos e projeções otimistas para os anos que seguem. O processo de industrialização consciente está garantindo não apenas a chegada de empresas não poluentes, como também o incentivo à atividade turística, que traz oportunidades para as comunidades locais.

A área ambiental e agrícola recebe novo dinamismo. Coleta seletiva, campanha papa-pilhas, e o aumento do ICMS Ecológico a partir da atualização de dados das áreas de mananciais estão na lista de ações que renderam à Quatro Barras o Prêmio Socioambiental Chico Mendes. Na outra ponta, no setor agrícola, avanços também com a revitalização da sede da Cooperativa Agropecuária, que vem ampliando ano a ano suas atividades. Na área de Ordem Pública, mais investimentos na frota e também no sistema de monitoramento com câmeras, que ganhou mais capacidade.

Quatro Barras comemorou seus 50 anos em 2011, e escreveu mais um capítulo de sua história. “Este foi sem dúvida um ano especial para o município e também para nossa gestão, por conquistas importantes como a inauguração da Estrada da Graciosa, novas obras, a festa do cinquentenário, e principalmente a criação de projetos que beneficiam a cidade e nossa gente. Foi um ano muito produtivo e temos certeza que 2012 também será”, disse o prefeito licenciado, Loreno Tolardo.

O prefeito em exercício, Edison Wilmar Repinoski, também enumerou avanços e disse que os esforços continuam, com boas projeções para o ano que vem. “Queremos uma cidade desenvolvida, que ofereça qualidade de vida para as pessoas, serviços estruturados e um desenvolvimento ordenado, que faça do município um lugar agradável para se viver. É por tudo isto que estamos trabalhando e assim vamos continuar”, comentou.

 

Prefeito Loreno Tolardo e vice Edison Repinoski comemoram conquistas.

 

 

Opinião

 

O prefeito Loreno Tolardo tem um talento nato: ele é empreendedor. Sua história de vida não deixa dúvidas. Inteligente, estabeleceu uma aliança com um dos maiores líderes que Quatro Barras já teve, o ex-prefeito Edison Repinoski, atual vice. Quem lembra do jingle de campanha da dupla, na eleição de 2008, talvez consiga perceber que o discurso apresentado na música, hoje estabelece total relação com a realidade: "Tolardo e Edison, a receita do progresso". 

Até mesmo os mais radicais opositores reconhecem que nos últimos três anos a cidade passou pela sua mais veloz transformação. Nunca na história, Quatro Barras avançou tanto, em tão pouco tempo. O município vive sob efeito de uma injeção constante de estímulo, entusiasmo e resgate da auto-estima do seu cidadão, seja ele nascido ou adotado pela Jóia Rara do Paraná. Podem haver falhas. É verdade, elas existem. Como sempre houveram e irão ocorrer, independente de gestão, de época ou de legenda partidária. Basta haver governo, erros e acertos, fazem parte. 

O novo ano que se inicia nos remete ao clima de debate político. Em 2012 teremos eleições municipais. Como passou rápido. Mas se teve em Quatro Barras, ao longo dos seus cinquenta anos de trajetória, uma época em que a cidade prosperou à passos largos, foram em seus últimos trinta e seis meses. Algo parecido pudemos presenciar no início dos anos 2000, quando o município mergulhou num arrojado processo de industrialização. Mas o atual ciclo mexeu com o ímpeto da população. Agiu sobre a alma do povo, sobretudo porque fez brotar no coração das pessoas a esperança de que não há lugar ideal para se viver. O nosso recanto, é o nosso próprio canto. E aqui, é o melhor lugar do mundo. 

Em Quatro Barras, as pessoas estão diante de um modelo de construção social que já provou, 'por A mais B', ser contra a prática adotada pelo Brasil dos espertalhões, em que pesem vantagens pessoais em detrimento do benefício coletivo. Estamos diante de uma história que ninguém nos conta. Nós a vivemos, somos atores diretos atuando em seu enredo. Mais do que um governo que se preocupa com as próximas eleições, a atual gestão já deixou claro: são as próximas gerações, o alvo deste projeto.  Merecidamente, este movimento precisa continuar. 

 

 

 

 

 

Tópico: Quatro Barras encerra 2011 com extensa relação de obras, novos projetos e avanços em todos os setores

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário